Shopping Ponta Negra sedia exposição de carros antigos

Neste sábado (22), verdadeiras relíquias do asfalto invadem o Shopping Ponta Negra, para uma exposição que promete trazer nostalgia aos apaixonados por carros antigos. Localizada na praça de eventos do centro de compras, a mostra traz onze modelos – dos mais clássicos, como Bugatti, Austin, MP Lafer, Opala, Gol e Fusca, aos  esportivos, como as réplicas do Porsche e Jaguar. A visitação é gratuita.

A coordenadora de marketing do Shopping Ponta Negra, Priscila Furtado, informa que a exposição está aberta durante todo o horário de funcionamento do centro de compras, até o dia 6 de junho. “É uma oportunidade para tirar fotos ao lado dessas preciosidades e mostrar às atuais gerações veículos que fizeram parte da nossa história”, comenta.

Ela reforça que o shopping segue adotando todas as recomendações dos órgãos de saúde em relação às medidas preventivas contra o coronavírus, como o uso obrigatório de máscara, a aferição de temperatura nas entradas e a disponibilização de dispensers de álcool em gel.

A exposição conta com a parceria dos clubes Carro Antigo do Amazonas, Fusca Clube de Manaus, Chevetteiros Manaus, Opalla Clube Manaus e Quadrados AM. “Alguns veículos são de associados dos clubes e outros são de coleções particulares”, informou Thiago Guimarães, que é vice-presidente do Fusca Clube de Manaus.

Entre os modelos em destaque que fazem parte da exposição no Shopping Ponta Negra estão o Bugatti 35B, modelo 1927, réplica fabricada no Brasil em 1975; o Austin, modelo A8, fabricado em 1947; o Jaguar, modelo Classic, versão XK 125, réplica fabricada em 2004; e o Porsche Speedster 356, réplica de 1956.

Além disso, ainda tem o Fusca fabricado em 1966, motor 1200cc, feito na Alemanha Ocidental, com teto solar de fábrica e direção no lado esquerdo (mão inglesa). Alguns dos modelos que fazem parte da exposição possuem placa preta, concedida apenas aos proprietários de veículos fabricados há mais de 30 anos, que conservam suas características originais de fabricação e integram uma coleção. “O antigomobilismo preserva a história e resgata lembranças. A cada exposição ajudamos a promover essa paixão que dura gerações”, destacou o vice-presidente do Fusca Clube de Manaus.